SEMINÁRIO

Auditoria Pública Preventiva:
gerando resultado para a gestão
DIA 17 DE MAIO
Slider

Ementa do Seminário

O Seminário, ofertado por meio do Programa CGE Capacita, é uma ação em continuidade à parceria, firmada em 2014, entre o Conselho Nacional de Controle Interno (CONACI) e o Banco Mundial para o fortalecimento o Controle Interno no Brasil, em especial a função de Auditoria Interna. O Seminário também faz parte das ações da Controladoria-Geral do Estado de Minas Gerais (CGE-MG) para implementação do Modelo de Capacidade de Auditoria Interna (IA-CM), que tem como finalidade elevar o grau de maturidade da atividade e da Instituição, visando, dessa maneira, uma atuação mais preventiva, como elemento de governança para a gestão e para entregas de valor pela Administração Pública. Para explanar a importância da atividade de Auditoria Interna, o evento contará com a presença de experientes profissionais da área, que trarão reflexões e boas práticas.
Público-alvo: Servidores do Controle Interno e gestores.

Mini currículos palestrantes

É graduado em Administração pelo Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais – IBMEC-RJ. Mestre em Administração pela EBAPE/FGV RJ. Auditor do Estado do Espírito Santo desde 2010, tendo anteriormente trabalhado na área financeira de companhia do setor de Óleo e Gás. Atualmente é coordenador da Coordenação de Harmonização do Controle Interno da Secretaria de Estado de Controle e Transparência do Estado do Espírito Santo/SECONT.

Denis Penedo Prates

Image

Leonardo Ferraz

Image

Pós-doutor em Direito pela Universidade Nova de Lisboa (2016). Doutor (2012), com distinção Magna Cum Laudae e Mestre (2007), em Direito Público pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Possui graduação em Direito pela Fundação Mineira de Educação e Cultura, graduação em Ciência da Computação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais e graduação em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Minas Gerais. Membro Julgador do Tribunal de Ética e Disciplina da OAB/MG. Professor da UFMG. Analista de Controle Externo do TCE/MG, atualmente ocupando o cargo de Controlador-Geral do Município de Belo Horizonte. Presidente do CONACI - Conselho Nacional de Controle lnterno. Tem experiência nas áreas de Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Municipal, Controle da Administração Pública, Hermenêutica, Filosofia do Direito e Gestão Pública.

Graduada em Ciências Contábeis e Direito, pós-graduada em Controle e Auditoria Pública pela Faculdade Metropolitana de Belo Horizonte e especialista em Controle Externo pela Universidade de Brasília. Atuou como auditora independente em empresa multinacional durante 9 anos antes de dedicar-se à carreira pública no Distrito Federal. Foi aprovada no concurso de Auditor de Controle Interno em 2009. Desde então exerceu as funções de Assessora Especial, Coordenadora de Auditoria e Subsecretária de Controle Interno e Controladora-Adjunta do Distrito Federal. No período de 2015 a meados de 2018, como Assessora Especial e Chefe da Assessoria de Harmonização Central, coordenou o projeto de implantação do modelo de capacidade de auditoria interna IA-CM na CGDF. O projeto obteve o reconhecimento do Banco Mundial, do Instituto dos Auditores Internos – IIA e do Conselho Nacional de Controle Interno - CONACI.

Liane Angoti

Image

Marcos Rezende

Image

Graduado em Psicologia pela Universidade Federal de Minas Gerais, possui pós-graduação em Orçamento e Políticas Públicas pela Universidade de Brasília, além das certificações internacionais Certified Government Auditing Professional (CGAP) emitida pelo The Institute of Internal Auditors (IIA), Certificate Program in Contract Management e Certificate Program in Public Procurement, ambas pelo Banco Mundial. Auditor Federal de Finanças e Controle na Controladoria Geral da União desde 2008, foi Coordenador-Geral de Auditoria das áreas de Planejamento, Orçamento e Gestão da Secretaria Federal de Controle de 2015 a 2017 em Brasília, exercendo atualmente as atividades na Controladoria Regional da União em Minas Gerais.

É Controlador-Geral do Estado de Minas Gerais e auditor federal de Finanças e Controle da Controladoria-Geral da União (CGU). Antes de assumir a CGE Minas, era chefe da Assessoria Especial de Controle Interno (AECI) do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, onde implantou a Gestão de Riscos. Foi também assessor especial de controle interno do ministro da Fazenda, em 2015, e coordenador-geral de Auditoria da Área Fazendária na CGU entre 2013 e 2014. Bacharel em ciências econômicas pela Universidade Federal de Minas Gerais, é pós-graduado em Finanças pelo Ibmec e em Auditoria Financeira pela Universidade de Brasil/Tribunal de Contas da União, e mestre em Contabilidade pela Universidade de Brasília. Rodrigo Fontenelle atua como instrutor na Escola de Administração Fazendária (ESAF) e Escola Nacional de Administração Pública (ENAP) e é professor da FGV e Fundação Dom Cabral. É autor dos livros “Auditoria Privada e Governamental” (ed. Impetus, 3ª Edição) e "Implementando a gestão de riscos no setor público" (ed. Fórum) e possui três certificações internacionais: Certified Government Auditing Professional (CGAP), Certification in Control Self-Assessment (CCSA) e Certification in Risk Management Assurance (CRMA), todas emitidas pelo The Institute of Internal Auditors (IIA).

Rodrigo Fontenelle

Image

Susana Amaral

Image
É Especialista Sênior em Gerenciamento Financeiro da prática global de governança do Banco Mundial. É formada em Economia e Contabilidade, com mestrado em Finanças Públicas pela Universidade de Nice, França e algumas especializações, dentre elas, Controladoria. Possui vasta experiência no setor público, tendo trabalhado em mais de 80 projetos financiados e co-financiados com recursos externos, nos últimos vinte anos.

Programação

  • Credenciamento
  • Abertura
  • Palestra do Anfitrião:

    A importância da gestão de riscos para a melhoria da governança.
    Rodrigo Fontenelle
    Controlador-Geral de Minas Gerais/CGE

  • Palestra do Presidente do CONACI:

    Apontamentos prospectivos para o papel da auditoria em um modelo de controle interno contemporâneo.
    Leonardo Ferraz
    Presidente do CONACI/Controlador-Geral da CTGM-BH

  • Palestra Magna:

    Os desafios atuais da auditoria interna na Administração Pública.
    Marcos Rezende
    Auditor Federal de Finanças e Controle/CGU

  • Almoço
  • Palestra da Representante do Banco Mundial:

    O Controle Interno como instrumento alavancador de resultados: Uma visão do Banco Mundial.
    Susana Amaral
    Representante do Banco Mundial

  • Palestra da Representante da CGDF:

    A importância da implementação do modelo de capacidade de auditoria interna (IACM) e a experiência Indonésia.
    Liane Angoti
    Auditora de Controle Interno

  • Coffee Break
  • Palestra do Representante da SECONT:

    Gestão de Controles Internos - COSO e as 3 Linhas de Defesa.
    Denis Prates
    Coordenador de Harmonização do Controle Interno

  • Palestra do Representante da SECONT:

    Diagnóstico e estruturação da 1° e 2° linhas de defesa no Espírito Santo: Resultados de uma Reforma em Andamento.
    Denis Prates
    Coordenador de Harmonização do Controle Interno

Dia: 17 de maio

Horário: 8h30 às 17h30

Local:
Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves

Rodovia Papa João Paulo II- Auditório Juscelino Kubitschek